Técnicas para parar de pensar em alguém

É como o conto do sultão a quem disseram que, para transformar ferro em ouro, ele não poderia pensar em um camelo (e que, portanto, nunca conseguiu fazer ouro). Mas vamos chegar mais perto do reino das possibilidades. Você quer parar de pensar em uma pessoa, por qualquer motivo que seja. Vamos começar.

Pense no motivo pelo qual você não pode tirá-la de sua cabeça

Essa pessoa fez algo que arruinou sua carreira e você planeja sua vingança? É a pessoa que você pensou que seria o amor de sua vida, mas não te nota? É a pessoa que você quer ser? Que tem tudo o que você gostaria de ter? Depois de identificar isso, o caminho será mais fácil.

Descubra o que você quer que aconteça com essa pessoa

Toda grande pessoa foi inspirada por outras, que antes lhe pareciam inatingíveis. O objeto das suas afeições pode não ser tão genial quanto você pensa (e menos ainda se está em um relacionamento), ou talvez não queira o mesmo que você. Talvez não tenha ganhado o concurso, apenas feito algo que agradou mais ao júri.

Veja se há uma chance

Em alguns casos, uma pessoa ruim encontra um final ruim, ainda que outras sejam astutas e consigam se esquivar. Se ela já está em um casamento e com filhos, e você queria ela para você e não ter filhos... Bem, tarde demais. Esse concurso que ganhou, ele é feito regularmente? Pode você competir novamente, ou em algum parecido?

Analise suas consequências

Todo mundo já pensou, pelo menos uma vez na vida, algo como "Isso eu resolvo com um par de tiros". Também já fantasiou com encontrar o amor de sua vida na primeira tentativa, rodeados de nuvens cor de rosa, seu trabalho ideal, sua vingança. O problema é que, para chegar lá, você deve fazer coisas que terão consequências a curto, médio e longo prazo. Vale a pena?

Não fique esperando sem fazer nada

Mesmo que você siga o ditado de que tudo passa, talvez seja preciso algum esforço extra. Uma mente sem nada para fazer é uma mente que vai viajar para os temas mais fáceis, entre os quais está essa pessoa. Ocupe-se em estudar, aprender, fazer tudo aquilo que você disse que faria quando tivesse algum tempo. Agora você tem.

Quando for fazer algo impulsivo, espere noventa segundos

Este é um período de tempo em que a emoção chegará ao seu pico, e voltará a diminuir, na maioria dos casos. Assim, pense de novo nessa pessoa, e na situação que te fez sentir assim, relacionada a ele ou ela. Você terá a mente um pouco mais clara do que antes.

Nada de stalkear, nem on-line, nem na vida real

É muito tentador "passar" por seu perfil em alguma rede social, se não estiver definido como privado. Não faça isso, e muito menos com um perfil falso. Você nunca vai conseguir superar essa pessoa se souber de tudo que acontece em sua vida diária.

Busque um encerramento

Se quem você deseja te deixou para trás, tente tomar medidas para encerrar esta fase da sua vida. Não ignore nem tente evitar pensar nessa pessoa: permita-se alguns dias de luto, e depois veja o que você pode fazer para que fique claro que isso são águas passadas em sua existência.

Lide com problemas maiores primeiro

Às vezes, você fica obcecado por alguém porque não quer lidar com determinadas situações. Talvez você tenha esquecido, intencionalmente, e pretende se convencer de que não, que não é o seu caso e você não tem problemas, mas o problema não vai desaparecer. E ainda que você consiga aquilo que deseja dessa pessoa, o problema não vai desaparecer.

Concentre-se no futuro

Essa pessoa pode ter sido (ou você gostaria que fosse) parte de sua vida, mas não é a sua vida. Há coisas que você deve fazer, coisas que você quer fazer, e que não fará porque essa pessoa é a única coisa em que você pensa. Se você quiser que ela te queira, melhore-se. Se você deseja se vingar de algo que ela te fez, melhore-se. Se você quer ser melhor para que ela te note, melhore-se. O resto virá mais tarde.

Lembre-se de que tudo vai passar

Mas não espere passar e pronto, faça coisas para passar o tempo. Não há atalhos ou truques: parar de pensar em alguém exige paciência e trabalho. Pode ser que não passe hoje nem amanhã, mas vai passar algum dia.